A falta de experiência canadense está te impedindo de trabalhar na sua área?

Compartilhar

Você acredita estar tendo dificuldade para conquistar seu emprego ideal ou deslanchar na carreira por faltar experiência canadense?

Se sim, você não está só. Mas neste artigo você vai descobrir que há muito que você possa fazer para alcançar seus objetivos profissionais, com ou sem a experiência local.

Exigir experiência canadense é discriminação

Infelizmente, há muitos empregadores que parecem não estar cientes de que deixar de contratar alguém pela falta de experiência canadense é discriminação.

Frente à este problema, em 2013, o OHRC, órgão que supervisiona queixas de direitos humanos, anunciou uma política que considera a exigência de experiência canadense para candidatos a emprego como “discriminação prima facie [discriminação explícita] e só pode ser usada em circunstâncias muito limitadas”.

Isso foi posteriormente reforçado e enfatizado pela província de ON, buscando ativamente combater esse tipo de discriminação.

Recentemente, seguindo nesta mesma linha, novas legislações foram implementadas a fim de remover a experiência canadense da lista de requisitos para a revalidação de diplomas nos casos de profissões regulamentadas.

Além disso, muitas empresas levantam a bandeira da diversidade e inclusão, mas infelizmente histórias de imigrantes reportando que não foram contratados por não possuírem experiência canadense não são incomuns.

Existem muitas reportagens e pesquisas evidenciando que a falta de experiência canadense é a principal barreira que imigrantes enfrentam. Uma pesquisa realizada pela WES por exemplo, demonstrou que apenas 39% dos imigrantes reporta trabalhar em uma função compatível com a posição que tinham pré-imigração.

As Consequências

Uma pesquisa recente realizada pela Léger em 2022 para o Instituto da Cidadania Canadense descobriu que 30% dos imigrantes com idades entre 18 e 34 anos estavam considerando deixar o Canadá nos próximos dois anos.

Embora as razões para isso sejam complexas e sobrepostas, a pesquisa revelou que muitos imigrantes estão insatisfeitos com o Canadá devido a preocupações com acessibilidade e governança, além dos desafios profissionais que enfrentam.

Quando trabalhadores não conseguem contribuir com suas habilidades e conhecimentos todos perdem. Profissionais e familiares vêem seus sonhos se transformando em pesadelo, empresas perdem seu potencial competitivo e limitam o crescimento, e economia sofre.

O que a experiência canadense significa para os empregadores

Enquanto a experiência canadense é uma barreira real, poucas pessoas questionam o que ela realmente significa e porque os empregadores a consideram tão importante.

No livro The Canadian Workplace Culture by Matt Adolphe, ele menciona que o valor da experiência está em compreender as nuances culturais do ambiente de trabalho no Canadá e se adaptar a elas, e que a capacidade de comunicação é de fundamental importância.

Da mesma forma, uma pesquisa realizada pela Universidade de Toronto em 2015 concluiu que

não se trata apenas de padrões profissionais, mas culturais. Frequentemente, as pessoas usam “experiência canadense” para se referir a “habilidades interpessoais” (em vez de “habilidades técnicas”, como educação e credenciais). Empregadores entendem que a experiência canadense aumenta a capacidade de trabalhar de maneira eficaz na cultura local de trabalho.

Como ter sucesso mesmo sem ter a experiência local

Com base nas referências pesquisadas bem como em nossa experiência trabalhando diariamente com imigrantes, é possível conquistar objetivos profissionais como trabalhar na mesma área de atuação, apesar dos desafios externos.

Uma pesquisa da The Conference Board of Canada mostra que imigrantes ganham em média 20.6% menos do que canadenses. A mesma pesquisa revela que essa diferença poderia ser eliminada por completo no caso das mulheres, e reduzida em 50% no caso dos homens, caso o gap da comunicação pudesse ser eliminado.

Dentre todas as referências, o denominador comum é de a comunicação – que inclui o domínio do idioma somado a capacidade em adaptar o estilo de comunicação para se adequar a cultura local – são as melhores formas de aumentar as chances de ser contratado (a) e de equalizar a compensação.

Portanto, é de fundamental importância que os imigrantes em busca de recolocação se preparem de forma mais estratégica para que possam demonstrar essas habilidades durante todas as etapas dos processos seletivos. Dessa forma, podem alavancar suas carreiras, contribuição para a economia local, e serem adequadamente compensados.

Se você quer conhecer como funciona esse preparo, convidamos você a assistir essa live com uma de nossas clientes que conseguiu a job offer já na primeira aplicação, mesmo sem ter experiência canadense, estando fora do mercado por 3 anos, e sem ter uma área de especialização definida.

Entre em contato conosco e saiba como podemos te ajudar a mudar a sua realidade profissional no Canadá!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

58 − 50 =